Escolha seu idioma
  • 18 3909.9090
    • Arenales fica em destaque em Ranking sustentável da Revista Exame

      Por: Imprensa | Em: 05/12/2017

      A Arenales Homeopatianimal figurou como destaque entre as empresas do ramo farmacêutico no Guia Exame de Sustentabilidade. A empresa obteve um ótimo desempenho em relação a ‘Gestão da Água’. Veja abaixo todos os indicativos:
      Indicadores
      Leia abaixo a reportagem na íntegra:

      Doses homeopáticas para o mercado de animais

      Arenales, uma empresa farmacêutica familiar especializada em produtos homeopáticos para animais, iniciou suas atividades em Presidente Prudente, no interior paulista, em 2000. Antes disso sua fundadora e diretora geral, a bióloga e médica veterinária Maria do Carmo Arenales, percorreu um longo caminho em busca da autorização legal para fabricar e comercializar medicamentos homeopáticos específicos para animais – um campo relativamente novo no Brasil, mas praticado na Europa desde o fim do século 18, quando o alemão Samuel Hahnemann publicou os primeiros estudos de homeopatia.

      “Ao me formar para veterinária em 1980, fiquei inconformada com a alopatia, que oferecia medicamentos caros e não curava os animais, fazendo com que a eutanásia se tornasse uma verdadeira instituição”, diz Maria do Carmo. “Decidi, então, buscar novas terapias e encontrei a homeopatia, que não tem efeitos colaterais e é muito mais eficaz”.

      Depois de crescer, em média, 20% nos últimos cinco anos, a Arenales fábrica hoje cerca de 1 milhão de doses mensais de 130 produtos destinados ao tratamento de bovinos, equinos, caprinos, ovinos e suínos, além de pequenos animais como cães, gatos, aves e peixes. O laboratório instalado em Presidente Prudente é o primeiro do país especializado na manipulação de remédios homeopáticos para animais. A linha para gado representa metade da produção; e o seguimento de animais domésticos, cerca de 15%. “Há muito potencial para crescimento no mercado de pets, mas, infelizmente, ainda existe um preconceito em relação à homeopatia”, diz Maria do Carmo.

      O princípio básico é ministrar ao animal doente doses mínimas do medicamento para evitar o agravamento dos sintomas e estimular a reação orgânica para a cura. Segundo ela, a homeopatia pode diminuir em até 95% o uso de antibióticos, carrapaticidas e vermífugos em gados leiteiros, por exemplo. Por não conter componentes tóxicos, os medicamentos homeopáticos não deixam resíduos no meio ambiente, e suas embalagens podem ser recicladas sem restrições.

      A preocupação ambiental da Arenales também está presente em sua fábrica. Todo lixo gerado pela empresa é separado e armazenado de forma que possa ser reciclado. A água é usada com o máximo de eficiência por meio da captação de chuva e da reutilização da água descartada pelo destilador. Assim, a empresa economiza, por ano, 108 000 litros do recurso. O próximo passo para tornar a fábrica ainda mais amigável para o meio ambiente é a implantação de um sistema de energia solar , o que está previsto para 2019.

      Share Button